menu 25-anos
facebook
publicidade
publicidade
Compartilhe
Notícias

Advogado acredita que morte de Isis Helena foi um acidente

João Pellisser vai conversar com a mãe, Jennifer Pedro, hoje às 14h

Band Mais

09h39 - 21/04/2020

Compartilhe whatsapp facebook linkedin

O advogado de Jennifer Natália Pedro, que confessou ter cometido um crime contra a filha, Isis Helena, em Itapira, acredita que a morte da menina foi “por acidente”.

Em conversa com o BandMulti na noite desta segunda-feira (20), João Pellisser disse que leu o relatório da confissão da mãe à Polícia Civil e que a morte de Isis, engasgada com leite, não foi proposital.

“Não acho que tenha sido algo pensado. A gente sabe que crianças engasgam”, disse.

Além da pouca idade, 1 ano e dez meses na época, Isis Helena tinha microcefalia, o que também é um agravante para casos do tipo.

A mãe da garota contou que percebeu que a menina estava com febre e deu uma dose de iboprufeno, e depois a mamadeira. Quando acordou no dia seguinte, às 6h15, percebeu que Isis estava gelada e com espuma na boca. Ela já estava morta.

Desesperada com o que poderia acontecer, a mãe disse à polícia que resolveu jogar o corpo da pequena no Rio do Peixe.

O advogado de Jennifer Natália Pedro vai conversar nesta terça-feira (21) para saber se a confissão foi feita de forma espontânea ou “viciada”.

“Se ela realmente confessou isso de forma espontânea, sem pressão, vou renunciar ao caso por quebra de confiança”, contou Pellisser.

Até então, a versão da mãe era de que Isis estava sozinha com o avô, e sumiu quando ela levou o outro filho para a creche.

2 Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios.

  • Ana claudia disse:

    Pode ter sido um acidente sim..mas qualquer mãe ou ser humano na sua sã consciência sairia com a criança nos braços alarmando na rua inteira..e não ter jogado uma filha no Rio…pra que? Se não tinha culpa? Fazer a população a Polícia ..uma notícia Nacional e todos servindo de idiota..é puxado

    • Rosely disse:

      Não quero julgar essa mãe, até porque o Juiz ja o fará, mas algumas perguntas que me incomodam; O pai onde estava, a avó onde estava.
      E realmente se fosse por bronco aspiração ela deveria ter saído á rua gritando e talvez houvesse o que ser feito.
      Agora jogar o corpinho ao Rio e fingir demência estes 2 meses , é de uma frieza e crueldade sem tamanho.

relacionadas

publicidade
publicidade
publicidade