menu 25-anos
facebook instagram
publicidade
publicidade
Compartilhe
Blog da Rose

Aumento de casos de covid-19 esgota leitos de UTI nos hospitais da prefeitura

Nas unidades do governo do Estado restam apenas quatro leitos

Rose Guglielminetti, Blog da Rose

18h41 - 10/06/2020

Atualizado há 5 meses

Compartilhe whatsapp facebook linkedin

O aumento de casos de covid-19 tem refletido na alta por demanda de leitos hospitalares em Campinas. Nesta quarta-feira (10/06) os hospitais da prefeitura como, Ouro Verde e Mário Gatti, não têm mais nenhum leito de UTI exclusivo para pacientes com essa doença. Todos os 119 leitos SUS (Sistema Único de Saúde) estão ocupados.

Já na rede estadual, que reúne o HC da Unicamp e o AME (Ambulatório Médico de Especialidades), restam apenas quatro leitos. Dos 54 leitos, 50 têm pacientes, o que corresponde a 93% de ocupação.

Na rede privada, ainda tem 50 leitos livres. Dos 133 leitos, 83 estão ocupados (62%). Desses leitos, a prefeitura comprou alguns em hospitais privados para uso de pacientes do SUS.

“Estamos tendo uma pressão do aumento de casos da doença. Mas estamos ampliando o número de leitos”, disse o secretário de saúde, Carmino de Souza. Até o fim desta semana, a prefeitura aumentou 50 novos leitos de UTI exclusivos para pacientes covid-19.

Nesta quarta-feira, a prefeitura confirmou o aumento de 213 novos casos da doença entre o balanço de ontem e o de hoje. Foram registradas mais quatro mortes pela covid-19. Com isso, a cidade tem hoje 120 mortes e 3.169 casos confirmados da doença.

Geral

No total, Campinas tem 306 leitos de UTI exclusivos para pacientes com covid-19 nas redes pública e particular. Deste total, 252 estão ocupados, o que corresponde a 82,35%. Há 54 leitos livres somando as redes pública e particular.

1 Comentário

Deixe uma resposta para yniymozff Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios.

 
publicidade
publicidade
publicidade