menu
facebook instagram
publicidade
publicidade
Compartilhe
Notícias

Bolsonaro sanciona lei de ajuda ao setor de eventos, mas com vetos

O presidente tinha até hoje para assinar o Projeto de Lei

Manuel Correia, Band Mais

19h54 - 03/05/2021

Compartilhe whatsapp facebook linkedin

O presidente Jair Bolsonaro disse na noite desta segunda-feira (03), em um pronunciamento aos jornalistas, que irá sancionar a lei de ajuda ao setor de eventos, mas vetará alguns pontos.

A PL (Projeto de Lei) que cria o Programa Emergencial de Retomada do Setor de Eventos (Perse) tem, entre outros pontos, o parcelamento de dívida dos produtores, linhas de crédito para empresas de entretenimento e a redução de alguns impostos que incidem sobre o setor.

“O que queremos fazer? Aproveitar o máximo possível do projeto para atender as categorias, mas alguns vetos se farão necessários para evitar até uma judicialização – o que nós não queremos. Queremos a solução”, disse o presidente na declaração.

Segundo o Palácio do Planalto, o texto aprovado por Bolsonaro será publicado no Diário Oficial da União (DOU) nesta terça-feira (04). O ministro da Economia, Paulo Guedes, esteve no pronunciamento, e falou que o setor foi um dos mais afetados por toda a paralização e que “caiu e está com dificuldades de se levantar”.

0 Comentário

publicidade
publicidade
publicidade
Mais notícias