menu 25-anos
facebook
publicidade
publicidade
Compartilhe

Brasil bloqueia fronteira com do Paraguai com MS por causa de fuga de presos em Juan Pedro Caballero

Medida foi para atender pedido do governo do Mato Grosso do Sul; Paraná pode seguir pelo mesmo caminho

Band Mais

20h32 - 19/01/2020

Atualizado há 2 meses

Compartilhe whatsapp facebook linkedin

O Ministério da Justiça e Segurança Pública determinou, neste domingo (19), o fechamento da fronteira entre Brasil e Paraguai no Mato Grosso do Sul. Mais cedo, por causa da fuga de 76 integrantes do Primeiro Comando da Capital (PCC) que estavam na Penitenciária Regional de Pedro Juan Caballero, na madrugada de domingo. Segundo o governo paraguaio, há cidadãos dos dois países entre os fugitivos.

O ministro Sergio Moro também reforçou o policiamento com helicópteros e barreiras. “Isso é chamado pela polícia de bloqueio, mas a fronteira não está fechada no MS. Brasileiros e paraguaios continuam podendo ir e vir”, informou a assessoria de imprensa do Ministério. O órgão informou ainda que não é possível dizer se a fronteira também será bloqueada no Paraná, já que depende de um pedido do governador do estado, Ratinho Junior (PSD), como fez o governo do Mato Grosso do Sul.

Uma lista de foragidos brasileiros e paraguaios foi divulgada pelo Ministério da Justiça. Entre os nomes, estão o do brasileiro Timóteo Ferreira, apontado como líder da facção dentro do presídio, e seis supostos integrantes do grupo de matadores de aluguel ligados ao traficante “Minotauro”. Até as 19h, nenhum dos países havia divulgado informações sobre a recaptura dos fugitivos.

0 Comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios.

relacionadas

publicidade
publicidade
publicidade