menu 25-anos
facebook instagram
publicidade
publicidade
Compartilhe
Blog da Rose

Câmara retira projeto que obriga teste de covid-19 a professores e funcionários antes do retorno às aulas

Proposta previa multa de R$ 3,6 mil

Rose Guglielminetti, Blog da Rose

11h22 - 10/09/2020

Compartilhe whatsapp facebook linkedin

Por orientação do líder de governo, Luiz Carlos Rossini (PV), a Câmara de Vereadores aprovou nesta quinta-feira (10/09) requerimento que retirou o projeto de lei que obriga o teste para o diagnóstico de covid-19 em todos os professores e funcionários das escolas públicas e privadas da cidade.

Segundo Rossini, o pedido de retirada se deve ao fato de que existe um comitê na Secretaria de Educação que está definindo a retomada das aulas presenciais. “Achamos prudente esperar porque há uma comissão discutindo sobre o assunto até porque a proposta atinge as escolas privadas e prevê uma multa de 1 mil UFICs (R$ 3,6 mil)”, disse o líder de governo.

O prefeito de Campinas, Jonas Donizette (PSB), suspendeu até o dia 15 de setembro as aulas presenciais Nas escolas da Prefeitura de Campinas a data marcada é o dia 7 de outubro. Uma consulta pública feita até o dia 15 de setembro com a participação de 15 mil pais, 82% disseram ser contrários ao retorno das aulas nas escolas municipais.

“O retorno dos professores e demais funcionários às atividades escolares deve ficar condicionado ao resultado negativo do exame, que deverão ser disponibilizados nas secretarias dos estabelecimentos escolares para conhecimento das autoridades de fiscalização. É uma forma de dar maior segurança aos profissionais da educação, aos alunos e pais”, disse o vereador Permínio Monteiro (PSB), autor do projeto.

O Executivo vetou a retomada das aulas presenciais até 15 de setembro na rede pública e particular, até que a situação seja reavaliada. O anúncio foi feito no dia 4, quando o prefeito, Jonas Donizette (PSB), afirmou que a decisão ocorreu após uma consulta pública virtual em que questionou pais e responsáveis se as crianças iriam frequentar as aulas em caso de retorno das atividades.

0 Comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios.

 
publicidade
publicidade
publicidade