menu 25-anos
publicidade
publicidade
Compartilhe
Blog da Rose

Câmara vota hoje autorização para prefeito emprestar R$ 300 mi para obras do BRT e pavimentação

Projeto terá polêmica entre vereadores da base e da oposição

Rose Guglielminetti, Blog da Rose

13h16 - 13/11/2019

Compartilhe whatsapp facebook linkedin

Os vereadores votam nesta quarta-feira (13/11), em segunda discussão (mérito), projeto de lei que autoriza o prefeito de Campinas, Jonas Donizette (PSB), a emprestar R$ 300 milhões de bancos para obras de mobilidade e infraestrutura urbana. O governo sustenta que o índice de endividamento é baixo e as operações de crédito serão garantidas pelos dividendos e juros sobre o capital próprio provenientes da Sanasa e, eventualmente, com recursos do tesouro municipal.

O debate, porém, sobre o empréstimo deverá ser polêmico entre base e oposição por dois motivos. O primeiro é devido à fala do secretário de Finanças, Tarcisio Cintra, que disse, durante audiência pública do Orçamento, na última segunda-feira (11/12), que metade dos R$ 300 milhões seria utilizada em obras do BRT – sistema que prevê corredores exclusivos que vão ligar a região central aos distritos do Ouro Verde e Campo Grande.

O secretário respondeu a uma pergunta do vereador Gustavo Petta (PCdoB), que após ouvir a informação de que 50% dos R$ 300 milhões iriam para obras do BRT, teceu criticas. Para o parlamentar, o endividamento do município é para pagar dívidas já contraídas e não para novos investimentos. O prefeito reagiu e chamou o parlamentar de “irresponsável e hipócrita”. Disse que a verba será utilizada para obras de recapeamento das marginais das vias do BRT.

O segundo motivo que poderá insuflar o debate é a fala do vereador Carmo Luiz (PSC) que disse que o governo Jonas “Já havia conseguido um empréstimo de R$ 200 milhões “, antes mesmo de a Câmara autorizar o governo a contrair a dívida.



publicidade
publicidade
publicidade