publicidade
publicidade
Compartilhe
Blog da Rose

Com custo mais alto, Campinas desiste de Hospital de Campanha e Ouro Verde assume esse papel

Modalide fica 60% mais caro para os cofres públicos

Rose Guglielminetti, Blog da Rose

12h40 - 23/02/2021

Compartilhe whatsapp facebook linkedin

A Prefeitura de Campinas desistiu de instalar o Hospital de Campanha e vai transformar o Hospital Ouro Verde em unidade de campanha, caso seja necessário. A medida foi tomada devido ao custo que ficaria 60% mais caro do que usar uma unidade já existente, de acordo com o presidente da Rede Mário Gatti, Sérgio Bisogni. No ano passado, a Prefeitura de Campinas gastou R$ 6 milhões para operar a unidade que foi desmontada em agosto do ano passado.

Além disso, Bisogni disse que é amis seguro utilizar um hospital já estruturado devido ao acesso ao ôxigênio líquido. “Assim, evitamos o uso de oxigênio de cilindro porque já sabemos que há escassez no mercado”, disse ele.

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é SERGIO-BISOGNI.jpg
Presidente da Rede Mário Gatti diz que Hospital de Campanha é 60% mais caro

Bisogni disse que vai ampliar o número de leitos no Ouro Verde, principalmente, os de enfermaria.

A Prefeitura de Campinas contratou mais 14 leitos de UTI para pacientes com covid-19 na rede privada e vai instalar mais 45 leitos de enfermaria nos hospitais Mário Gatti e Metropolitano.

A cidade tem enfrentado uma pressão grande sobre os leitos devido à alta de casos da doença. Ontem (22/02), a ocupação era de 89,53% – dos 258 leitos de UTI exclusivos para pacientes com covid-19 nas redes pública e particular, 231 estavam ocupados. A situação é mais dramática na rede pública, cujos índices ultrapassam os 90%.

Campinas confirmou 67.635 casos da doença e 1.809 mortes por covid-19

No ano passado, a Prefeitura de Campinas optou por instalar um hospital de campanha que atendeu 600 pacientes. A unidade foi construída e equipada pelos Expedicionários da Saúde (EDS), grupo sem fins lucrativos. A prefeitura se responsabilizou pelo custo da operação da unidade.

0 Comentário

publicidade
publicidade
publicidade