menu
facebook instagram
publicidade
publicidade
Compartilhe
Esporte

Ex-atacante da Ponte morre por covid-19

Atleta fez o segundo gol na virada história do dérbi de 2002

Band Mais

10h56 - 20/06/2021

Atualizado há 1 mês

Compartilhe whatsapp facebook linkedin

Morreu na madrugada deste domingo (20/06), aos 39 anos, vítima da covid-19, o ex-atacante e empresário Lucas Pereira.

O atleta, revelado nas categorias de base da Macaca, foi o autor do segundo gol da Macaca no histórico dérbi de 2002, quando a Ponte venceu o Guarani de virada por 4 a 2, encerrando um jejum de 15 anos. Ele era, também, o principal responsável pela vinda do meia senegalês Papa Faye para a Ponte Preta.

“Lucas foi uma cria da Ponte Preta e , como jogador, foi um dos responsáveis por aquela virada histórica e inesquecível. Porém, mais ainda, era uma pessoa muito boa, envolvida com projetos sociais como o que trouxe Papa para Campinas. Se foi muito jovem, infelizmente, lamentamos imensamente esta perda”, disse o presidente pontepretano Sebastião Arcanjo.

De acordo com a assessoria da Ponte, o projeto pelo qual Lucas trouxe Papa Faye é o Ginga Foot, que atende jovens atletas de países africanos, como Costa do Marfim, Senegal e Camarões, e oferece oportunidade de intercâmbio em clubes do mundo. Na época, o e-atacante ressaltou que era um prazer para ele colocar um atleta na Ponte Preta, clube que o o formou “como atleta e cidadão.”

A Ponte Preta lamenta profundamente a passagem de Lucas Pereira e se solidariza com toda a família e amigos. Ainda não há informações sobre o velório.

0 Comentário

publicidade
publicidade
publicidade
Mais notícias