publicidade
publicidade
Compartilhe
Blog da Rose

Profissionais que combatem covid-19 na linha de frente começam a receber segunda dose da vacina

Expectativa é de vacinar cerca de 800 pessoas até amanhã, 11 de fevereiro; vacinação deste público teve início no dia 21 de janeiro

Zezé de Lima, Blog da Rose

14h41 - 10/02/2021

Compartilhe whatsapp facebook linkedin

Os profissionais que atuam no atendimento direto a pacientes com coronavírus começaram hoje a receber a segunda dose da vacina contra covid-19. A expectativa é de vacinar cerca de 800 pessoas até amanhã, 11 de fevereiro.  

Na cidade, a vacinação deste público teve início no dia 21 de janeiro.  Como na primeira etapa, as doses serão enviadas para os hospitais, que são os responsáveis pela aplicação do imunizante.  

Balanço 

Até ontem, terça-feira, haviam sido vacinadas 41.037 pessoas em Campinas, sendo 34.397 profissionais de saúde. Outros públicos também receberam as doses: 1.420 pessoas que vivem e trabalham em Instituições de Longa Permanência de Idosos (ILPIs) e 5.220 idosos acima de 90 anos.  

A partir desta quinta-feira, a cidade começa a imunizar idosos com idade entre 85 e 89 anos. O agendamento já está aberto e deve ser feito pelo hotsite https://vacina.campinas.sp.gov.br/ . Para receber a vacina, no dia e hora marcados a pessoa deve comparecer e apresentar documento com foto e comprovante de endereço.

Campinas conta com cerca de seis mil idosos entre 85 e 89 anos. “Nós continuamos abrindo grupos de acordo com as doses recebidas e respeitando o Plano Nacional de Imunização. Pedimos o comprovante de endereço porque cada município recebe o número de doses de acordo com a população estimada. Não podemos vacinar munícipes de outras cidades justamente porque não teremos doses suficientes e pode faltar para um campineiro”, explica Andrea von Zuben, diretora do Departamento de Vigilância em Saúde (Devisa).

0 Comentário

publicidade
publicidade
Mais notícias