menu
facebook instagram
publicidade
publicidade
Compartilhe
Blog da Rose

Sem leitos de UTI, Prefeitura de Campinas abre hoje Hospital Metropolitano

Pacientes que necessitam de leito de alta complexidade estão na fila

Rose Guglielminetti, Blog da Rose

11h09 - 04/03/2021

Atualizado há 1 mês

Compartilhe whatsapp facebook linkedin

Sem leitos de UTI para pacientes com covid-19, a Prefeitura de Campinas inicia a abertura do Hospital Metropolitano nesta quinta-feira (04/03). O setor de gripário, que funcionava no Hospital Mário Gatti, foi transferido para esta unidade hospitalar. O colapso tem deixado pacientes à espera por uma vaga em leitos de alta complexidade. A cidade está na fase vermelha, a mais restritiva.

Desde ontem, o SUS Municipal vem sido pressionado por leitos de alta complexidade. Foram abertos 25 leitos, mas a sitação continuou dramática, com apenas três leitos livres para grávidas. A prefeitura tem 118 leitos de UTI para pacientes com covid-19.

No Hospital de Clínicas da Unicamp tinham apenas oito leitos livres ontem. Dos 30 leitos, 22 tinham pacientes internados.

Na rede privada, dos 167 leitos, 147 estão ocupados. A rede tinha 20 leitos livres.

O presidente da Rede Mário, Sérgio Bisogni, prometeu abrir mais 38 leitos de UTI nos próximos 15 dias.

Intervenção

Na última terça-feira (02/03), a Prefeitura de Campinas, por meio de um decreto, assumiu a gestão do Hospital Metropolitano durante a crise da pandemia. A unidade privada estava fechada e iria reabrir nos próximos 15 dias. Porém, devido à falta de leitos, o prefeito de Campinas, Dário Saadi (Republicanos), decidiu pela intervenção.

0 Comentário

publicidade
publicidade
publicidade