menu
facebook instagram
publicidade
publicidade
Compartilhe
Blog da Rose

Veja as novas restrições para Campinas a partir de sexta-feira

Brarreiras sanitárias e fechamento de concessionárias são algumas das novas medidas

Rose Guglielminetti, Blog da Rose

15h53 - 24/03/2021

Atualizado há 28 dias

Compartilhe whatsapp facebook linkedin

O prefeito de Campinas, Dário Saadi (Republicanos), anunciou nesta quarta-feira (26/03), novas restrições para a cidade que passam a valer a partir de sexta-feira (26/03). Todas as medidas têm o objetivo de reduzir a circulação de pessoas na cidade que hoje tem 78.439 casos e 2.198 mortes devido à covid-19. As restrições vão até o dia 4 de abril.

Veja abaixo as mudanças:

  1. adoção de barreiras sanitárias nas entradas da cidade
  2. restrição de apenas uma pessoa por família em supermercados e padarias
  3. fechamento de concessionárias de veículos
  4. Drive-thru apenas para alimentação. Lojas apenas delivery
  5. Clínicas veterinárias apenas para urgência e emergência
  6. Manutenção predial apenas para urgências
  7. Assistência técnica apenas para equipamentos hospitalares

Essa é a terceira vez que a Prefeitura de Campinas adota novas restrições desde o mês passado, quando a cidade entrou na fase vermelha antes do Estado de São Paulo.

As medidas se fazem urgentes, segundo os gestores de saúde, devido à falta de leitos de UTI e da fila de espera de pacientes por leitos que hoje chega a 204 pessoas. Outro problema é está se esgotando tanto o espaço físico para instalar novas UTI, além da dificuldade de mão de obra especializada para trabalhar nos leitos de alta complexidade.

No caso do comércio de assistência técnica as oficinas mecânicas estão fora dessa exigência. Além disso, a manuteção de telefone e outros serviços também estão autorizados. Os que foram suspensos são os serviços rotineiros como, por exemplo, manutenção de um aparelho de TV.

A multa para quem descuprir as novas regras chegam a R$ 3,5 mil e os comércios podem ser interditados ou lacrados.

A cidade está em toque de recolher das 20h às 5h.

0 Comentário

publicidade
publicidade
publicidade
Mais notícias