menu
facebook instagram
publicidade
publicidade
Compartilhe
Blog da Rose

Vereador de Campinas se envolve em confusão e sai sem pagar a conta em bar na Chácara da Barra

Frequentadores disseram que parlamentar estava com carro oficial da Câmara

Rose Guglielminetti, Blog da Rose

16h46 - 28/05/2021

Atualizado há 23 dias

Compartilhe whatsapp facebook linkedin

O vereador Otto Alejandro (PL) teria se envolvido numa confusão no último domingo (23/05), no Boot´s Pub, localizado na Chácara da Barra. O parlamentar esteve na balada e teria saído do local sem pagar a conta do consumo e até do estacionamento. A informação ainda é a de que ele foi até o local usando o carro oficial da Câmara de Vereadores.

Alejandro teria chegado no local que havia bloqueado entrada de novas pessoas porque tinha atingido a capacidade de 150 pessoas. Porém, ele se identificou como vereador e conseguiu entrar no local como cliente vip.

Ao sair do local, ele teria se recusado a pagar a conta. Os clientes recebem uma pulseira com um determinado número e, ao sair, apresentam esse número para o pagamento da comanda. “Ele começou a gritar e disse que não pagaria a conta porque era cliente vip. E disse que era vereador e que iria fechar o bar”, contou uma pessoa que estava no local.

Segundo as pessoas que estavam lá, o parlamentar disse que como autoridade iria fechar o espaço porque estava aberto após as 22h e tinham pessoas sem máscaras. Ocorre que ele mesmo estava no local sem máscara e também fora do horário permitido, segundo os frequentadores.

Ele também se recusou a pagar a taxa do estacionamento. Segundo os frequentadores, o carro era da Câmara de Campinas.

Outro lado

O vereador Otto Alejandro confirmou que esteve no bar, mas negou que tenha se envolvido em qualquer confusão. Segundo ele, a conta de R$ 90,00 foi paga. “Tomei três cervejas e ficou no local por volta de uns 40 minutos. Não teve nenhum problema”, disse ele, negando também o uso do carro oficial da Câmara.

A direção do Boot´Pub não quis se posicionar.

Em nota, a Câmara informou que “A Câmara Municipal irá verificar o ocorrido, em primeiro lugar ouvindo o vereador em relação aos fatos. Depois, ouvirá o proprietário do estabelecimento e, caso necessário, tomará eventuais providências”

0 Comentário

publicidade
publicidade
publicidade