publicidade
publicidade
Compartilhe
Blog da Rose

Campinas volta à fase Laranja e terá fase Vermelha nos domingos, feriados e dias úteis das 20h às 6h

Segundo secretária de Desenvolvimento Econômico, Patrícia Ellen, se providências não fossem tomadas, havia risco de se esgotarem leitos de UTI Covid em 28 dias

Zezé de Lima, Blog da Rose

14h39 - 22/01/2021

Atualizado há 1 mês

Compartilhe whatsapp facebook linkedin

A partir da próxima segunda-feira, Campinas volta à fase Laranja do Plano São Paulo e, como todo o estado, ficará na fase vermelha aos finais de semana, feriados e nos dias úteis, das 20h às 6h. A imposição de regras mais restritivas, segundo o governo e o Comitê de Contingência para a Covid-19 tem relação com a piora nos índices de transmissibilidade do vírus e o consequente aumento de casos, de internações e de mortes.

Segundo a secretária de Desenvolvimento Econômico, Patrícia Ellen, se as providências não fossem tomadas, havia risco de se assistir ao esgotamento dos leitos de UTI Covid em 28 dias. O quadro dramático foi também pintado pelos médicos do comitê. Segundo o secretário de Saúde do Estado, Jean Gorinchteyn, hoje morre de covid-19 no território paulista uma pessoa a cada seis minutos. Há inclusive a promessa de mais medidas restritivas, caso os indicadores de hoje não melhorem.

Além das restrições, o governo também anunciou a criação de mais 756 leitos para covid-19 no Estado, sendo 450 de enfermaria e 306 de UTI. Esses leitos incluem o hospital de Campanha de Heliópolis, que será reativado até 25 de fevereiro, segundo o governador João Doria. As cirurgias eletivas em hospitais estaduais também foram suspensas, a não ser em caso de pacientes que não comportam o adiamento. Caberá aos médicos avaliar. O início das aulas no Estado também foi adiado e suspensa a obrigatoriedade das presenças nas salas de aula.

Outras alterações se deram em relação às regras estipuladas pelo Comitê para o Plano São Paulo. O parâmetro de taxa de ocupação de leitos de UTI na fase vermelha passou de 80 para 75% e nenhuma região poderá ir as fases verde e amarela antes do dia 8 de fevereiro.

No total, cinco regiões do Estado regrediram à fase vermelha, na qual já estava Marília. Todas as que estavam na fase amarela, como Campinas, voltaram à fase Laranja.

Fase Laranja

  • Todos os setores de comércio e serviços são permitidos. A exceção é o atendimento presencial em bares, que continua proibido.
  • Capacidade de ocupação: 40% em todos os setores.
  • Funcionamento máximo: 8 horas por dia.
  • Horário de fechamento: atendimento presencial até 20h.
  • Parques estaduais, salões de beleza e academias: podem abrir.

Fase Vermelha

apenas serviços essenciais como padarias, mercados e farmácias, podem operar. Bares, restaurantes e comércio não poderão funcionar.

0 Comentário

publicidade
publicidade
Mais notícias