menu 25-anos
facebook instagram
publicidade
publicidade
Compartilhe
Blog da Rose

Candidato denuncia ataques recebidos por causa de sua imagem

Victor Lorin diz que sofreu ataques nas redes sociais

Marcos Andrade , Blog da Rose

11h15 - 24/10/2020

Atualizado há 1 mês

Compartilhe whatsapp facebook linkedin

Cabelo comprido, lápis nos olhos, gargantilha, camiseta preta com estampa de banda de rock. Foi com esse visual, bem diferente do que estamos acostumados ver em políticos, que Victor Lorin se apresentou como candidato a vice-prefeito em Valinhos, na chapa encabeçada por Thiago do PT.

Nas redes sociais, Victor falou sobre a escolha das fotos. Segundo ele, diferentemente das outras candidaturas na cidade, o Partido dos Trabalhadores optou por fazer a convenção virtual, para não expor os filiados ao risco de contrair coronavírus. São nesses eventos “burocráticos”, como classificou o candidato no texto, que os demais concorrentes fazem as fotos que são divulgadas. Já a chapa petista escolheu os retratos que gostavam nas próprias redes sociais para anunciar as candidaturas. “Eu preciso me disfarçar de algo que não sou, parecer com esses engravatados para exercer um direito que é comum à todas e todos, que é o da participação política? Para mim é claro que não. Na minha estética reside pouco do meu debate, que está muito mais presente na minha voz. Nas minhas roupas eu me posiciono, mas nada comparado ao que vocês me veem falar todos os dias da minha vida. Roupa nenhuma foi para debate ao vivo desacompanhadas, muito menos gravatas”, escreveu Victor em sua conta no Facebook.

Aos 25 anos, o estudante de Geografia na Unicamp justifica a candidatura como vice na chapa majoritária: “Questão de responsabilidade. Já fui bastante questionado sobre porque não me candidatei a vereador antes, mas é simples. Não vejo hierarquia entre o legislativo e o administrativo, não penso um como sendo pré-requisito para o outro como muita gente pode pensar. São poderes iguais e ambos possuem suas funções”.

Em um texto no Facebook, ilustrado com a foto acima, Victor comentou sobre os ataques que sua imagem sofreu nas redes sociais: “Tinha de tudo, ódio, rejeição, inaptidão. Todo mundo vive falando que quer algo diferente, mas para muita gente, não pode ser tão diferente assim. Todos esses comentários que vocês veem na imagem são alguns de uma imensidão de vários outros, e não são sobre nosso plano de governo, sobre nossas ideias e muito menos sobre nossos projetos. São, todos eles, de uma postagem com apenas nossas fotos”. O candidato a prefeito na chapa, Thiago do PT, usa uma mecha colorida no cabelo, que também foi alvo de ataques nas redes sociais.

Victor concluiu: “Sei bem qual o propósito de tentar invalidar um candidato por sua aparência. E se isso acontece apenas por causa de uma foto normal, de uma jovem, uma pessoa com estética diferente da que estão acostumados a ver, imagina quando levamos o debate para representantes pobres, negros, LGBTQIA+, mulheres, que são totalmente desprezados da política tradicional. É, aqui eles só comentaram, mas a gente sabe o que muitos pensam da representatividade da política”.

0 Comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios.

 
publicidade
publicidade
publicidade