menu 25-anos
facebook
publicidade
publicidade
Compartilhe
Notícias

Decano do STF, Celso de Mello é internado em São Paulo, sem previsão de alta, por causa de infecção

Patologia não tem relação com a cirurgia a que o ministro foi submetido em janeiro passado nem com novo coronavírus, informou a assessoria do ministro

Band Mais

07h20 - 18/03/2020

Atualizado há 18 dias

Compartilhe whatsapp facebook linkedin

Decano do Supremo Tribunal Federal, o ministro Celso de Mello foi internado na semana passada no Hospital Sírio-Libanês, em São Paulo, com quadro erisipela, sem previsão de alta. Com isso, a licença dele no Tribunal, que terminaria amanhã, 19 de março, foi renovada até o dia 30.

“A patologia não tem relação com a cirurgia a que o ministro foi submetido em janeiro passado nem com o novo coronavírus”, informou a assessoria de Celso de Mello.

Celso de Mello se submeteu a uma cirurgia no quadril no Hospital Sírio Libanês, em São Paulo, em janeiro deste ano, porque vinha dependendo de cadeira de rodas até para chegar ao plenário das sessões do Supremo.

Decano do Supremo, o ministro completa 75 anos em 1º de novembro deste ano, idade em que é aposentado compulsoriamente e uma nova vaga na Corte é aberta.

A ausência do ministro deve afetar julgamentos do tribunal, como a suspeição do ex-juiz Sérgio Moro ao condenar o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) no caso do tríplex do Guarujá. A defesa de Lula questiona a atuação do ministro enquanto julgou o seu processo, em Curitiba.

Ministros do STF defendem que a discussão seja feita com a composição completa da 2ª Turma da Corte – o voto de Celso é considerado decisivo para a definição do placar.

0 Comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios.

relacionadas

publicidade
publicidade
publicidade