menu 25-anos
facebook
publicidade
publicidade
Compartilhe
Notícias

De reuniões a happy hour… tudo online

Ações mantêm profissionais unidos, diz diretor de multinacional

Band Mais

09h05 - 30/03/2020

Compartilhe whatsapp facebook linkedin

O aumento de casos do novo Coronavírus e o período de quarentena têm mudado a rotina das empresas, que usam a tecnologia como forma de continuar os trabalhos. Mas, como tem sido o dia a dia em empresas que têm como base a utilização da tecnologia?

Francisco Michelin, diretor da GFT, conta que as atividades online, que já eram intensas, estão mais presentes ainda. “Nossos principais clientes são instituições financeiras, mercado de capitais e indústrias que estão na lista de serviços essenciais, então eles também não estão parando e, principalmente, acreditamos que irão investir ainda mais no desenvolvimento de negócios digitais”, comenta.

A rotina, além de reuniões, envolve até happy hour online. Michelin conta que recentemente foi realizado  um encontro com líderes, via conferência, para discussão sobre o momento, e, principalmente, para alinhar o discurso de digital first para colaboradores e clientes. “Outro ponto interessante quanto ao trabalho foi a execução de uma Inception com um de nossos clientes que já estava agendada para acontecer presencialmente e executamos de forma digital. A Inception é um método Ágil, onde reunimos em uma uma sala, por alguns dias, várias pessoas de diversas áreas da empresa [negócio, tecnologia, jurídico etc] para discutir e definir um novo produto ou serviço. Isso ocorre com canvas e post-its e com a colaboração de todos e aconteceu de forma digital, utilizando ferramentas e conferência para que todos pudessem participar e colaborar. Foi surpreendente o resultado”, afirma o diretor.

Confraternizar também tem vez, diz Michelin, mesmo online. “Nesse momento de crise resolvemos nos encontrar digitalmente para aliviar a tensão e unir ainda mais o time no mesmo propósito. Como fizemos de casa, foi muito legal a participação de alguns familiares, seja com um ‘oi’ dos filhos, uma aparição na câmera de alguém ou até mesmo um puxão de orelha da esposa para desligarmos. A mensagem principal é manter nossa vida e rotina da melhor forma possível”, diz o diretor.

Cida Haddad/ Eko Digital

0 Comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios.

publicidade
publicidade
publicidade