menu 25-anos
facebook instagram
publicidade
publicidade
Compartilhe
Esporte

“E se ele morrer no ringue?”, diz campeão mundial que quer barrar luta de Tyson

O atual dono do cinturão dos pesos-pesados fez declarações duras sobre a volta do ídolo

Esportes

17h45 - 03/06/2020

Atualizado há 7 meses

Compartilhe whatsapp facebook linkedin

A volta de Mike Tyson aos ringues está mexendo no mundo da luta. As apostas sobre quem irá lutar contra o ex-campeão não param de surgir, mas um novo personagem entrou na história.

O atual detentor do cinturão dos pesos-pesados do Conselho Mundial de Boxe (CMB), Dillian Whyte, falou sobre a volta de Tyson aos ringues. O lutador começou uma campanha para convencer o presidente da entidade, Mauricio Sulaiman, de que o ex-campeão está velho para o boxe.

Whyte disse que Tyson não tem condições de voltar a disputar o título mundial, como quer o presidente. ” – Isso não faz sentido. Isso é bobagem. Mauricio: sou legal, mas é uma coisa muito boba de se dizer. Ele não deveria estar encorajando isso. E se ele morrer no ringue? O que vai acontecer?”, questionou o atual campeão interino.

” Isso é bobagem. Por que vão autorizar uma luta entre um homem de 53 anos e um homem de 31 anos? Já temos escuridão e lama suficientes no esporte, não precisamos mais”, completou.

O mais curioso dessa história é que o nome de Dillian Whyte não foi cogitado em nenhum momento como possível adversário de Mike Tyson em seu retorno aos ringues. Mas o rival dele, que é atual campeão mundial linear do CMB, Tyson Fury, foi sondado para a luta e afirmou que toparia na hora.

0 Comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios.

 
publicidade
publicidade
publicidade
Mais notícias