menu 25-anos
facebook instagram
publicidade
publicidade
Compartilhe
Notícias

Força-tarefa contra pancadão apreende 9 veículos; GMs são recebidos com “tapas” e “pedras”

Em junho, a GM atendeu 456 ocorrências contra este tipo de festa

Band Mais

18h25 - 06/07/2020

Compartilhe whatsapp facebook linkedin

Força-tarefa contra pancadões apreendeu 9 veículos que estavam com som alto neste fim de semana. Desde o mês passado, a GM (Guarda Municipal) tem feito operações para impedir aglomeração de pessoas que possa contribuir para a disseminação do coronavírus.

Segundo o comandante da GM, Marcio Frezarin, o público destas festas são hostis à ação da GM. “Somos recebidos com paus e pedras. O nosso pessoal é bem treinado para lidar com essas situações. As denúncias de pancadões têm aumentado”, disse ele. O prefeito de Campinas, Jonas Donizette (PSB), lamentou a atitude de quem agride os guardas municipais. “O profissional da Segurança está defendendo a comunidade e é recebido com hostilidade”, comentou Jonas Donizette, para quem essas pessoas deveriam ser identificadas e arcar com a responsabilidade sobre o descumprimento das normas da quarentena neste momento.  

Em junho, a GM atendeu 456 ocorrências relacionadas ao descumprimento das medidas sanitárias, Lei do Pancadão, manifestação pública e perturbação do sossego público.

Neste período, foram atendidas 323 ocorrências por descumprimento de medida sanitária; 89 por perturbação do sossego público; 43 por Lei do Pancadão; e uma ocorrência por manifestação pública.  

Ação neste fim de semana

As ocorrências do Pancadão no último final de semana foram nos bairros Parque Oziel, Jardim Campina Grande, Jardim Conceição, Cidade Singer, Jardim Paranapanema, Vila Brandina e Jardim Nossa Senhora de Lourdes.

Os nove automóveis foram levados para o pátio da Emdec. Outros sete veículos que estavam nos locais de pancadão foram enquadrados nas leis de trânsito e, destes, dois também recolhidos ao pátio.  

Estabelecimentos que não poderiam funcionar, como bares, e foram flagrados descumprindo as medidas da quarentena também foram orientados pela Guarda Municipal a fechar e moradores a baixar o volume de aparelhos sonoros em residências.  

A multa para carro flagrado com som alto pela Lei do Pancadão é de R$ 1.808,05. Em caso de reincidência, a multa dobra e, depois, quadruplica.

Pode haver também penalidades de trânsito, como estacionamento em lugar proibido ou em cima de calçada. A pessoa que tem o veículo apreendido também paga as taxas de guincho e diárias de permanência no pátio.

0 Comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios.

 
publicidade
publicidade
publicidade