menu 25-anos
facebook instagram
publicidade
publicidade
Compartilhe

Globo dispensa Renato Aragão, após 44 anos na emissora

A partir desta quarta-feira (1º), o "Didi" não faz mais parte da platinada

Nativa FM

11h45 - 30/06/2020

Atualizado há 6 meses

Compartilhe whatsapp facebook linkedin

Um dos medalhões da Globo há 44 anos foi dispensado. O humorista Renato Aragão, o nosso eterno “Didi”, não teve seu contrato renovado com o canal. O vínculo termina nesta terça-feira (30) e a emissora avisou que não iria mais tê-lo em seu casting fixo.

Com 85 anos de idade, Renato Aragão foi um dos maiores nomes do humor no canal ao lado de Chico Anysio. Como Didi, divertiu uma geração com os programas e filmes dos Trabalhões, ao lado de Dedé, Mussum e Zacarias.

Após o final do grupo, Renato Aragão chegou a estrelar programas com seu nome e com uma nova turma, incluindo, entre outros, Marcelo Augusto e o dançarino Jacaré, do “É o Tchan”.

Aragão estava fora da grade de programação da Globo desde 2003. Segundo informações, o salário dele girava em torno de R$ 400 mil mensais.

A dispensa de Renato Aragão vem na onda de renovação nos vínculos de trabalho da emissora com as “pratas da casa”. Grandes nomes, que tinham contrato fixo há anos, foram dispensados.

Entre os nomes que não tiveram seus contratos renovados estão Miguel Falabella, Stênio Garcia, Vera Fischer, Aguinaldo Silva, Angélica, Bruno Gagliasso, Malvino Salvador, Bruna Marquezine, José de Abreu, Zeca Camargo entre outros.

Grande parte dos dispensados deixou a emissora com a possibilidade de fazerem novos trabalhos no canal, mas com contratos por obra e não mais com acordos fixos anunais.

0 Comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios.

 
publicidade
publicidade
publicidade
Mais notícias