menu 25-anos
facebook instagram
publicidade
publicidade
Compartilhe

Jean é solto nos Estados Unidos sem pagar fiança

Esposa do goleiro publicou vídeo no Instagram mostrando marcas da agressão

Carlos Giacomeli, Band Mais

12h44 - 18/12/2019

Atualizado há 6 meses

Compartilhe whatsapp facebook linkedin
Divulgação

O goleiro Jean foi solto na tarde desta quinta nos Estados Unidos. Ele assinou compromisso com a Justiça americana de que não terá nenhum tipo de contato com a esposa agredida. Ele só poderá conversar com as filhas por intermédio de outra pessoa foi autorizado a se comunicar com as duas filhas por meio de uma terceira pessoa.

O caso 

O goleiro foi preso após denúncia da esposa Milena Bemfica em redes sociais. Ela teria sido agredida em Orlando, nos EUA, onde o casal passa férias com as filhas.

A diretoria do São Paulo se reuniu nesta quarta-feira para definir os trâmites jurídicos para rescindir o contrato do clube com o goleiro Jean, preso nos EUA após agredir a esposa. O jogador foi adquirido pelo Tricolor por R$ 10 milhões.

A ficha criminal do jogador apareceu no Departamento de Correções do Condado de Orange, na Florida.

Milena postou uma sequência de vídeos e imagens denunciando Jean. “Eu tô aqui, em Orlando, e olha o que Jean acabou de fazer comigo. Alguém me ajude. Jean acabou de me bater. Gente, socorro”, disse ela. No post seguinte, ela mostra uma conversa com o goleiro por um aplicativo de mensagens, onde ele fala que ela acabou com a carreira dele e que vai deixar os filhos passarem fome.

Confira o vídeo abaixo:

Abaixo, o trecho da conversa onde o goleiro ameaça deixar os filhos passarem fome:

Logo depois do ocorrido, o São Paulo já havia se manifestado em nota oficial:

O São Paulo Futebol Clube informa que acompanha o caso envolvendo o atleta Jean Paulo Fernandes Filho e aguarda apuração dos fatos para definir as medidas cabíveis.

Em seus quase 90 anos de existência, o São Paulo construiu uma história pautada por princípios sólidos de conduta dentro e fora de campo, e não abre mão deles.

0 Comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios.

 
publicidade
publicidade
publicidade