menu 25-anos
facebook instagram
publicidade
publicidade
Compartilhe
Blog da Rose

Guerra interna no PP de Campinas prejudica candidatos a vereador

Pano de fundo é uma queda de braço por apoio entre Rafa Zimbaldi (PL) e Artur Orsi (PSD), candidatos a prefeito de Campinas

Rose Guglielminetti, Blog da Rose

11h02 - 06/10/2020

Compartilhe whatsapp facebook linkedin

Uma guerra interna no PP de Campinas tem prejudicado e causado confusão entre os candidatos a vereador do partido. O pano de fundo é a discordância em relação a quem apoiar como candidato a prefeito de Campinas. Enquanto a chapa de vereadores apoia Artur Orsi, candidato a prefeito pelo PSD, parte da direção do partido fechou com Rafa Zimbaldi, cabeça de chapa do PL. Uma ala do PP diz que o apoio a outro candidato pode resultar em sanção e outra afirma que eles têm liberdade para apoiar quem quiserem.

A confusão começou quando a legenda, que estava sob o comando do vereador Tenente Santini (PP), que atua na campanha de Orsi, passou, em agosto, para as mãos de Marcio Chaib, braço-direito de Rafa por imposição da Executiva Estadual. Oficialmente, o PP integra a aliança da chapa de Rafa Zimbaldi.

Segundo os candidatos a vereador, cuja chapa foi montada por Santini, que está no PP, quando Chaib assumiu a legenda ele teria concordado que os vereadores poderiam apoiar quem eles quisessem à Prefeitura de Campinas. Porém, no fim de semana, ele encaminhou uma carta assinada pelo secretário estadual do PP, Augusto Diniz, alertando que o candidato a vereador que fizer campanha eleitoral candidato ou partido adversário é passível de punição pelo partido.

Em resposta, Ronny Carnaukas, tesoureiro do PP, e Júlio Martelo, secretário do partido, ambos ligados ao Tenente Santini, divulgaram uma carta ontem á noite em que reforçam que Chaib autorizou os candidatos a fazer campanha para outro candidato que não Rafa.

Outro lado

Chaib disse que realmente liberou os candidatos, mas que enviou a carta do Diretório Estadual porque cumpriu o seu papel de presidente.

Impugnação

Além disso, O PP sofre um pedido de anulação da aliança do PP com Rafa na Justiça Eleitoral. O argumento é de que o presidente do PP local descumpriu a legislação em vários aspectos e não permitiu que o PSD fosse uma opção para a aliança com o PP.

0 Comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios.

 
publicidade
publicidade
publicidade