menu 25-anos
facebook instagram
publicidade
publicidade
Compartilhe
Notícias

Incor vai usar respiradores desenvolvidos pela Faculdade Politécnica da USP

Projeto teve investimento de R$ 7 milhões. A verba foi doada pela iniciativa privada

Rose Guglielminetti, Blog da Rose

13h07 - 15/07/2020

Atualizado há 6 meses

Compartilhe whatsapp facebook linkedin

O Incor (Instituto de Coração), no Hospital de Clínicas de São Paulo, vai utilizar a partir de amanhã (16/07), respiradores desenvolvidos pela Faculdade Politécnica da USP (Universidade de São Paulo). Neste primeiro momento, serão disponibilizados 10 ventiladores pulmonares que serão utilizados em 40 pacientes.

O produto, chamado Inspire, foi desenvolvido em quatro meses em parceria com a faculade de medicina, que ajudou a fazer testes. Foram investidos cerca de R$ 7 milhões. A verba foi doada pela iniciativa privada.

Além da rapidez de produção, o equipamento tem como principal vantagem o custo: enquanto os ventiladores convencionais custam, em média, R$ 15 mil, o valor do Inspire é de R$ 1 mil.  A expectativa é de que se produzam até 20 respiradores por dia.

“A produção é em pequena escala, mas ao longo do tempo ganharão condições mercadológicas”, disse o governador João Doria (PSDB).

Em todo o projeto, cerca de 200 pesquisadores participaram do projeto. “Foram nacionalizados muitos insumos para atender as especificações da escola de medicina”, disse o coordenador do projeto, Raul Gonzalez Lima.

0 Comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios.

 
publicidade
publicidade
publicidade