menu 25-anos
publicidade
publicidade
Compartilhe
Blog da Rose

Jonas repudia fala de Eduardo Bolsonaro sobre volta do AI-5

Prefeito de Campinas pediu para que Comissão de Ética se posicione em relação à fala do filho do presidente

Rose Guglielminetti, Blog da Rose

08h52 - 01/11/2019

Compartilhe whatsapp facebook linkedin

O prefeito de Campinas e presidente da FNP (Frente Nacional de Prefeitos), Jonas Donizette (PSB), repudiou a fala do deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL), que defendeu a edição de um novo AI-5 (Ato Institucional Nº 5) no Brasil. Para Jonas, flertar com o AI-5 é uma afronta à democracia.

O deputado, que é filho do presidente Jair Bolsonaro, afirmou que se a esquerda radicalizar, uma resposta pode ser dada por meio de um novo AI-5.

“Se a esquerda radicalizar a esse ponto (sobre protestos como os que estão ocorrendo no Chile), a gente vai precisar ter uma resposta. E uma resposta pode ser via um novo AI-5, pode ser via uma legislação aprovada através de um plebiscito como ocorreu na Itália. Alguma resposta vai ter que ser dada”, disse ele em entrevista à jornalista Leda Nagle.

Fala de Eduardo Bolsonaro tem sido contestado por vários políticos

Na nota, Jonas lembrou que por causa dessa ação o Congresso Nacional e assembleias estaduais fossem fechados. “Representou um “salvoconduto” para que o Estado assassinasse aqueles que discordavam do regime militar. Instituiu a censura prévia das artes e da imprensa. Também permitiu ao governo federal, sob pretexto de “segurança nacional”, destituir sumariamente juízes e intervir em estados e municípios, cassando mandatos de governadores e prefeitos”, escreveu o prefeito.

O prefeito pediu para que a Comissão de Ética da Câmara dos Deputados tome providências em relação à fala de Eduardo Bolsonaro.

publicidade
publicidade
publicidade