menu 25-anos
facebook instagram
publicidade
publicidade
Compartilhe
Entretenimento

“Jornal da Band” dá furo de reportagem no caso Queiroz e o advogado Wassef

Telejornal exibiu em primeira mão que o procurado pela polícia foi hospedado pelo advogado no Guarujá

Band Mais

15h32 - 26/06/2020

Atualizado há 6 meses

Compartilhe whatsapp facebook linkedin

A edição do “Jornal da Band” desta quinta-feira (25), trouxe um furo de reportagem sobre o caso Queiroz. O repórter Rodrigo Hidalgo mostrou que o ex-advogado da família Bolsonaro, Frederick Wassef, hospedou o ex-assessor do agora senador Flavio Bolsonaro, Fabrício Queiroz, em seu apartamento no Guarujá.

Preso na quinta-feira da semana passada (18), Queiroz foi encontrado pela Polícia Federal em Atibaia, em um imóvel de Wassef. O ex-advogado dos Bolsonaros afirmou que não sabia que o ex-assessor estava no local.

A reportagem da Band mostrou que, logo após a cirurgia para a retirada de um câncer de colón, Queiroz foi hóspede de Wassef por cinco meses, no apartamento que o advogado tem na Praia de Pitangueiras, no Guarujá.

Segundo o repórter Rodrigo Hidalgo, Queiroz não saia do apartamento, apenas era visto quando pedia comida, mas descia para pegar a encomenda de boné e óculos escuros.

Wassef teria visitado Queiroz algumas vezes no apartamento. Segundo juristas ouvidos pela reportagem, o advogado não cometeu crime, pois o hóspede não era foragido da Justiça. Mas, por “esconder” Queiroz, ele teria cometido violação ética, já que impediu que o ex-assessor recebesse intimação e prestasse depoimento sobre a investigação das rachadinhas.

0 Comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios.

 
publicidade
publicidade
publicidade