menu 25-anos
facebook
publicidade
publicidade
Compartilhe
Blog da Rose

Justiça nega pedido do PT de ampliar benefícios da Sanasa durante a pandemia de coronavírus

Petistas queriam que isenção da tarifa social fosse ampliada

Rose Guglielminetti, Blog da Rose

16h47 - 09/04/2020

Compartilhe whatsapp facebook linkedin

O juiz Luis Mario Mori Domingues negou o pedido do PT de Campinas que queria estender a isenção da tarifa de água para todos os grupos que têm direito à tarifa social. Na mesma ação popular pediu a suspensão do corte da água para todos os consumidores.

O magistrado entendeu que não há prejuízos ao interesse público. “O que se percebe é mais um interesse político dos autores, que são vereadores de Campinas, enveredando-se no caminho da demanda popular para questionar os parâmetros de políticas públicas implementadas pelo governo municipal como resposta à crise viral que assola o município. Assim, não há demonstração de prejuízos como resposta à crise viral que assola o município”, escreveu o magistrado, que extinguiu a ação popular.

Os vereadores do PT, Pedro Tourinho e Carlão do PT, além do presidente do PT Campinas, Carlos Henrique de Oliveira Orfei, e pelo ex-presidente da empresa, Vicente Andreu, queriam que toda as famílias de baixa renda tivessem acesso à isenção dada pela Sanasa aos clientes que consomem até 10 metros cúbicos (10 mil litros de água). Quando do anúncio do benefício, a medida vai atingir 77 mil pessoas. Para isso, a Sanasa vai abrir mão de uma receita de R$ 500 mil por mês.



0 Comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios.

publicidade
publicidade
publicidade