publicidade
publicidade
Compartilhe
Notícias

Limeira decide que aulas presenciais só voltam no ano que vem

O objetivo é evitar uma segunda onda de contaminação do coronavírus

18h27 - 03/09/2020

Compartilhe whatsapp facebook linkedin

A Prefeitura de Limeira anunciou nesta quinta-feira (3/09) que as aulas presenciais nas redes de ensino pública e privada não serão retomadas neste ano. A medida vale para todos os níveis de educação, ensino infantil, fundamental, médio e superior, com exceção das aulas práticas dos cursos da área de saúde.

Segundo os secretários André De Francesco, de Educação, e Vitor Santos, de Saúde, o objetivo é evitar uma segunda onda de contaminação pelo coronavírus na cidade.

Além do risco de transmissão da doença nas escolas, crianças e jovens poderiam ser “vetores” do coronavírus, contaminando seus familiares. A preocupação com a saúde de todos os profissionais que atuam na rede, como professores, monitores, merendeiras, entre outros, também foi levada em consideração pela atual administração.

Uma pesquisa apontou que entre os 10 mil que responderam ao levantamento, 88% seram contrários à reabertura das escolas em 2020.

O ensino vai continuar de forma remota.

O secretári de Saúde, Vitor Santos, explica que nessa faixa etária há maior dificuldade de evitar o contato físico entre os alunos. Somado a isso, ele destaca que o retorno às aulas presenciais transformaria tanto crianças quanto adolescentes em “vetores” do coronavírus, levando a doença para o ambiente doméstico. “O retorno às aulas nesse momento possibilitaria uma segunda onda de contaminação, como tem acontecido em países da Europa”, conclui.

0 Comentário

publicidade
publicidade
Mais notícias