menu 25-anos
publicidade
publicidade
Compartilhe
Notícias

Morre Zé do Caixão, aos 83 anos

Ele apresentou o Cine Trash na Band, na década de 90

Nativa FM

18h02 - 19/02/2020

Atualizado há 1 mês

Compartilhe whatsapp facebook linkedin

Morreu nesta quarta-feira (19), aos 83 anos, José Mojica Marins, o Zé do Caixão. Segundo sua filha, Liz, o cineasta faleceu por complicações de uma broncopneumonia.

Zé do Caixão é considerado o pai do cinema de terror no Brasil. Ator e diretor, em sua filmografia tem clássicos como “À Meia-Noite Levarei Sua Alma”, de 1964.

Outro filme de grande sucesso da carreira foi “Esta Noite Encarnarei no Teu Cadavér”, de 1967. Zé do Caixão apresentou na Band, na década de 90, o Cine Trash, com filmes de terror. Abaixo uma das aberturas do programa:

https://www.youtube.com/watch?v=Kb8Bzeb34rk

Foram mais de 40 filmes como diretor, sendo o último lançado em 2015, “As Fábulas Negras”. Já como ator, ele começou em 1960 com Éramos Irmãos.

Ele teve títulos lançados na Europa e nos Estados Unidos, nos quais recebeu reconhecimento e prêmios, sucesso esse não alcançado no Brasil, proporcionalmente.

Mojica e seus filmes foram indicados em várias categorias, tanto como diretor como ator.

Em 2008, por exemplo, sua obra “Encarnação do Demônio” esteve indicado para o prêmio Menina de Ouro de Melhor Filme de Ficção, Melhor Fotografia, Melhor Montagem, Melhor Edição de Som, Direção de Arte e Trilha Sonora do 1º Festival de Paulínia de Cinema

0 Comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios.

relacionadas

publicidade
publicidade
publicidade