menu 25-anos
facebook instagram
publicidade
publicidade
Compartilhe
Blog da Rose

Mudanças em Campinas fazem presidente estadual do Podemos deixar direção da legenda

Executiva provisória foi retirada à revelia da direção da legenda local

Blog da Rose

15h10 - 10/03/2020

Atualizado há 7 meses

Compartilhe whatsapp facebook linkedin

O presidente estadual do Podemos, Mario Covas Neto, vereador da Capital, deixou a direção do Podemos estadual após a “jogada” política que destituiu, na última sexta-feira (06/03) a executiva provisória do partido em Campinas, que ele havia nomeado. O ex-presidente da comissão provisória, Joaquim Lopes, também fez duras críticas aos envolvidos na articulação política.

A mudança, feita à revelia de Neto e Lopes, teria sido articulada pelo deputado federal Roberto de Lucena, a ex-vereadora Leonice da Paz, ambos do Podemos, e o deputado estadual Rafa Zimbaldi (PSB). Além disso, o empresário Juan Quirós será o presidente da legenda e também pré-candidato a prefeito. O martelo sobre a mudança foi batido com a Presidência nacional do Podemos.

Nas redes sociais, Neto diz que deixou o partido para “se dedicar ainda mais como vereador da capital e também à sua pré-candidatura à reeleição”.

Metralhadora

Sem apontar nomes, Joaquim Lopes fez duras críticas à forma como o processo de mudança foi feito.

“O enredo, registrou aos olhos da cidade, a presença de um forasteiro, mal acompanhado, em que pese ser deputado e autor de projetos controversos, sem expressão fora do reduto das suas pequenas igrejas evangélicas na cidade; um indefinido pré-candidato a prefeito da legenda; pastores; um vereador acompanhado de correligionários ex-democratas e a presença inusitada de um deputado estadual que está às turras com sua turma na atual administração para viabilizar se como candidato a prefeito”,

Joaquim Lopes, ex-presidente do Podemos Campinas

Em protesto, membros da Executiva provisória assinaram a nota junto com Joaquim Lopes.

0 Comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios.

 
publicidade
publicidade
publicidade