menu 25-anos
facebook
publicidade
publicidade
Compartilhe
Entretenimento

‘Nada Ortodoxa’, a minissérie da Netflix que está dando o que falar

Dirigido por María Schrader, o início deste projeto levou dois anos de produção.

Band FM

11h42 - 14/04/2020

Atualizado há 1 mês

Compartilhe whatsapp facebook linkedin

A série Nada Ortodoxa é uma história verdadeira baseada no best-seller autobiográfico de Deborah Feldman. Com conteúdo feminista, tem apenas quatro capítulos, e está tendo ampla repercussão no Brasil.

Os capítulos narram a vida de Esty (Shira Haas), uma garota de 19 anos da comunidade do judaísmo hassídico. Ela se casa, mas não está feliz, então foge de Williamsburg e abandona o marido, Yanky (Amit Rahav).

A sua intenção é chegar a Berlim, onde mora a sua mãe. No entanto, o marido e o primo dele a perseguirão.

Enquanto Esty procura a sua mãe, ela se encontra. Pouco a pouco, ela se livra da sua peruca kosher, das suas roupas conservadoras e da repressão sexual.

Dirigido por María Schrader, o início deste projeto levou dois anos de produção. O diretor queria reconstruir fielmente a comunidade judaica auto-isolada no coração do Brooklyn.

Uma das suas peculiaridades é que todos os funcionários que participaram da minissérie, filmados em Berlim, são judeus. O motivo foi garantir o realismo da história.

Nada Ortodoxa estreou em 26 de março e se tornou uma das séries mais procuradas. Até agora, a Netflix não esclareceu se haverá uma segunda temporada.

0 Comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios.

relacionadas

publicidade
publicidade
publicidade