publicidade
publicidade
Compartilhe
Notícias

Operação contra facção criminosa cumpre mandados em Campinas e região

Duas mulheres foram presas na região

Band Mais

10h55 - 31/08/2020

Compartilhe whatsapp facebook linkedin

Policiais Federais cumprem mandados em Campinas, Hortolândia e Indaiatuba contra o PPC (Primeiro Comando da Capital), uma facçaõ criminosa que atua no tráfico de drogas. No Brasil, são cumpridos 600 mandados de prisão. A Justiça de Minas Gerais bloqueou R$ 252 milhões dos investigados.

Na região de Campinas, duas mulheres foram presas,: uma em Hortolândia e outra em Indaiatuba. De acordo com a polícia, uma é ex-sogra e outra é mulher de membros do PCC.

De acordo com a Polícia Federal, 210 detentos em presídios federais recebiam auxílio mensal da facção. O pagamento é uma espécie de salário para essas pessoas que eram separadas em dois grupos. Um deles era formado por pessoas que eram do alto escalão do PCC. O segundo por membros que tinham assassinados servidores públicos.

Os pagamentos eram feitos por meio de contas físicas de pessoas que não integram o PCC. O objetivo era evitar a identificação delas.

São cumpridosd 600 mandados, 422 de prisão, sendo que 173 são de pessoas que já estão presas. A ação ocorre em 19 estados e no Distrito Federal. Os mandados são cumpridos contra parentes de integrantes da facção que são responsáveis por lavar dinheiro da facção.

Batizada de Caixa Forte a operação é realizada pela FICCO (Força Integrada de Combate ao Crime Organizado de Minas Gerais, que reúne a PF, Polícia Civil de Minas Gerais, Polícia Rodoviária Federal e Departamento Penitenciário Nacional (Depen) de MG e Federal.

0 Comentário

publicidade
publicidade
publicidade
Mais notícias