menu 25-anos
facebook
publicidade
publicidade
Compartilhe
Notícias

Passageira faz vídeo de banco de ônibus “escorado” por madeira

Passageira diz que esse é o segundo ônibus com o problema

20h03 - 12/12/2019

Atualizado há 3 meses

Compartilhe whatsapp facebook linkedin

Uma usuária da linha 252, do Parque São Jorge, em Campinas denunciou ontem (12/12) em fotos e vídeos o uso de um pedaço de madeira para escorar o banco do motorista do ônibus do Sistema Público de Transporte.

“Os ônibus estão horríveis. São portas que não fecham. Esse é o segundo que pego com esse problema”, disse Eliane de Gaspari.

Outro lado

Em nota, a assessoria de imprensa da empresa informou que as empresas de ônibus, de um modo geral, têm sofrido com as chamadas “Fake News” – montagem de notícias falsas.

Ressaltou que os bancos não estão quebrados e que “o uso desse “recurso” é de iniciativa do motorista, contra as regras da empresa, sujeito à advertência, e o faria por se sentir “desconfortável” com o molejo do banco. De qualquer forma, há a possibilidade de fixar o banco em definitivo na funilaria, basta o motorista seguir o procedimento junto à área de manutenção da empresa”, diz a nota.

Projeto de lei

Em fevereiro, o vereador Carlão do PT protocolou projeto de lei que obriga as empresas de ônibus de Campinas pintarem na lataria do veículo o ano de fabricação dos carros. O objetivo, segundo o parlamentar, é forçar a atualização da frota que, por lei, só pode ter 10 anos de uso

0 Comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios.

relacionadas

publicidade
publicidade
publicidade