menu 25-anos
publicidade
publicidade
Compartilhe
Notícias

Pela primeira vez na história, dólar comercial fecha acima dos R$ 5, após alta de 4,86%

A Bolsa chegou a acionar o circuit break novamente

Band Mais

18h04 - 16/03/2020

Atualizado há 15 dias

Compartilhe whatsapp facebook linkedin

A segunda-feira foi histórica para a cotação do dólar comercial frente ao real. A moeda norte-americana passou dos 5 reais. Ao final do pregão de hoje (16/03), o dólar encerrou cotado a R$ 5,0467. Ele disparou 4,86% em relação ao fechamento do último pregão.

O dólar turismo também teve valorização frente ao real, terminando o dia a R$ 5,24 em uma valorização de 4,175%.

Essa alta ocorre depois do anúncio que o Federal Reserve (Fed), o banco central dos Estados Unidos, fez na noite deste domingo (15), em cortar sua taxa de juros para zero, em função dos efeitos negativos do coronavírus.

Já no Brasil, o Copom tem reunião agendada para amanhã e quarta-feira. Há uma pressão para que o comitê corte a taxa Selic, a exemplo do que fez o Fed.

O banco de investimentos Suíço UBS declarou que o órgão brasileiro precisa agir e vir a diminuir 1 ponto percentual a taxa, passando a 3,25% ao ano.

Essa indicação do banco europeu e a pressão no Copom também influenciaram no mercado nacional, já que, por terem retornos menores na renda fixa, os investidores estrangeiros podem fazer um efeito manada, tirando seus recursos aplicados no Brasil e transferindo para mercados mais seguros.

0 Comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios.

publicidade
publicidade
publicidade