menu
facebook instagram
publicidade
publicidade
Compartilhe
Notícias

Plenário do Supremo mantém decisão que anula condenações de Lula

Julgamento continuará no próximo dia 22. Na sessão, será votada a suspeição do ex-juiz Sergio Moro

Band Mais

19h05 - 15/04/2021

Compartilhe whatsapp facebook linkedin

O Supremo Tribunal Federal (STF) rejeitou o recurso da Procuradoria-Geral da República (PGR), contra a decisão do ministro Edson Fachin, que anulou as condenações do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva pela Justiça Federal do Paraná, na Operação Lava Jato.

Em julgamento nesta quinta-feira os ministros Fachin, Alexandre de Moraes, Rosa Weber, Dias Toffoli, Gilmar Mendes, Ricardo Lewandowski, Cármen Lúcia e Luís Roberto Barroso votaram pela rejeição do recurso e Kássio Nunes Marques, Marco Aurélio Mello e Luiz Fux pela aceitação.

Assim, as anulações das condenações serão mantidas, e Lula permanecerá elegível. O julgamento continuará no próximo dia 22. Na sessão, será votada a suspeição do ex-juiz Sergio Moro, cuja atuação ao condenar o ex-presidente foi considerada parcial pela Segunda Turma do STF.

0 Comentário

publicidade
publicidade
publicidade