menu 25-anos
facebook
publicidade
publicidade
Compartilhe
Notícias

População descumpre quarentena e movimento aumenta nas ruas

Relaxamento do distanciamento social preocupa autoridades sanitárias

Rose Guglielminetti, Band Mais

12h46 - 10/04/2020

Atualizado há 1 mês

Compartilhe whatsapp facebook linkedin

Nos últimos dias é perceptível o aumento de carros e de pessoas nas ruas de Campinas, apesar de a quarentena na cidade ir até o próximo dia 22 de abril.

E nesta sexta-feira (10/04) não foi diferente. O Mercadão, no Centro da cidade, ficou lotado de pessoas que foram até o comércio para comprar peixes.

Consumidores do lado externo do Mercadão nesta sexta-feira (10/04

A cena não era diferente de um dia comum, sem existência da pandemia do coronavírus. “Todo mundo sem máscara, muito próximo e sem o distanciamento necessário”, disse Antônio Acácio, morador da cidade, que passou próximo do Mercadão porque teve de ir ao banco para depositar um cheque .

Nesta quinta-feira (10/04), um sistema de monitoramento apontou que o isolamento social no Estado de São Paulo atingiu apenas 49% da população. Para evitar a contaminação pelo coronavírus, o ideal é atingir 70%.

A preocupação das autoridade é quanto ao sistema de saúde. Não há UTIs e respiradores para atender um grande número de pessoas adoecidas. Em Campinas, por exemplo, temos 656 leitos de UTI´s de Campinas, dos quais 377 (54,7%) estão ocupados com pacientes internados com diversos diagnósticos.

Casos

Campinas tem 99 casos confirmados de coronavírus e investiga 984 casos suspeitos da doença. A cidade já registrou cinco mortes pela covid-19.



0 Comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios.

publicidade
publicidade
publicidade