menu 25-anos
facebook instagram
publicidade
publicidade
Compartilhe
Blog da Rose

Prefeito eleito de Campinas diz que não tem preferência por vacina contra o coronavírus

Governo de SP anunciou hoje que inicia vacinação contra a doença em janeiro de 2021

Rose Guglielminetti, Blog da Rose

16h12 - 07/12/2020

Compartilhe whatsapp facebook linkedin

O prefeito eleito de Campinas, Dário Saadi (Republicanos), que também é médico, disse que não tem preferência por marca da vacina contra o coronavírus. Nesta segunda-feira (07/12), o governador do Estado de São Paulo, João Doria (PSDB), anunciou que vai disponibilizar a Coronavac, vacina produzida pelo Butantan, em parceria com o laboratório chinês, Sinovac, a partir do dia 25 de janeiro de 2021.

“O que a vacina tem de ter é ter sido submetida e aprovada em todos as fases dos testes de confiabilidade e de cura e ter a aprovação da Anvisa”, disse Dário.

LEIA MAIS

Doria vai liberar vacina contra covid-19 a partir do dia 25 de janeiro

Na última sexta-feira (04/12), o secretário de Saúde de Campinas, Carmino de Souza, disse que a Rede Munipal de Saúde está preparada para vacinar a população. “Temos seringas, insumos e toda uma rede de frios, além de funcionários preparados para imunizarmos a população”, disse ele.

Campinas havia registrado até a última sexta-feira 1.393 mortes e 44.528 casos da doença. Desde a semana passada, a cidade tem registrado uma média de alta de 300 casos por dia. Os jovens têm sido os mais infectados pela doença.



0 Comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios.

 
publicidade
publicidade
publicidade