menu 25-anos
facebook instagram
publicidade
publicidade
Compartilhe
Blog da Rose

Prefeitura de Campinas demite 743 estagiários

Administração diz que desligamento ocorreu porque não pode prorrogar atual contrato da empresa que gerencia os estudantes

Rose Guglielminetti, Blog da Rose

17h55 - 29/04/2020

Atualizado há 4 meses

Compartilhe whatsapp facebook linkedin

A Prefeitura de Campinas demitiu 743 estagiários que atuavam em várias áreas do poder público. De acordo com a assessoria de imprensa, o desligamento não é devido à crise da pandemia do coronavírus. O corte ocorreu porque o contrato com o Ciee (Centro de Integração Empresa-Escola) vence nesta quinta-feira (30/04) e não é possível a prorrogação.

Uma nova licitação está em curso para escolha de uma nova empresa. A estimativa é que a licitação seja concluída em dois meses.

O custo médio é de R$ 739,8 mil por mês com os salários dos estagiários. Um estudante de ensino superior ganha R$ 1.111,62 e o do ensino técnico a bolsa é de R$ 880,00.

A vereadora Mariana Conti (PSOL) criticou a demissão. “Estou indignada com o anúncio da prefeitura demitindo repentinamente todos os seus estagiários em plena pandemia. Isso significa mais famílias com dificuldades financeiras. Mais uma irresponsabilidade do Governo Jonas neste momento de grave emergência”, escreveu ela, numa rede social.

2 Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios.

 
  • Mirian Cristiane de Oliveira disse:

    Nossa engraçado, porque fizeram processo seletivo esse ano então. Entrei em fevereiro desse ano e tinha contrato firmado ate junho 2021,muito estranho esse desligamento!

  • Marcio Lima disse:

    Triste! Essa situação.
    Tenho onze estagiários, todos foram demitidos. Realmente, tenho essa informação de contrato. Ainda estou sem saber o que fazer, sem esses excelentes funcionários. Que nosso DEUS possa abrir portas para todos eles.

publicidade
publicidade
publicidade