menu
facebook instagram
publicidade
publicidade
Compartilhe

Polícia Militar

Notícias

Dois jovens são flagrados com mais de R$ 2 mil e joias em Presidente Prudente

um homem, de 24 anos, e um adolescente, de 15 anos, foram flagrados pela Polícia Militar

redação, Band Paulista

16h00 - 04/01/2022

Atualizado há 19 dias

Compartilhe whatsapp facebook linkedin

Hoje a tarde, um homem, de 24 anos, e um adolescente, de 15 anos, foram flagrados pela Polícia Militar com porções de drogas e joias, em Presidente Prudente (SP).

Segundo a polícia, uma equipe estava em patrulhamento pela Avenida Adhemar de Barros, no Bairro Maristela, quando avistaram dois indivíduos em uma motocicleta. Ao perceber a viatura, um deles jogou “objetos dourados” no chão.

A dupla foi abordada na Rua José Claro. Com o rapaz havia R$ 373 em espécie. Os dois foram questionados sobre os objetos jogados, mas informaram não saber de nada.

De volta à Avenida Adhemar de Barros, a equipe verificou que eram “anéis possivelmente de ouro”. Novamente, eles negaram a posse dos materiais.

Em consulta, a corporação verificou que a moto estava com o licenciamento vencido e o rapaz está com o direito de dirigir suspenso até 2 de fevereiro de 2022.

Os policiais ainda foram até o endereço do homem. No local, havia R$ 899,55 em dinheiro. Dentro de uma gaveta foram localizados oito invólucros de crack e mais duas pedras brutas da droga, além de embalagens típicas para embalar entorpecentes.

Já na casa do adolescente, havia R$ 722 em espécie. Segundo a PM, a mãe do jovem disse que o “filho estaria envolvido em crimes de tráfico” e entregou o dinheiro.

Tudo foi apreendido e a dupla foi encaminhada para a Delegacia Participativa da Polícia Civil.

O caso foi registrado como tráfico de drogas, associação criminosa e localização/apreensão de objeto.

Na base da polícia, o rapaz, afirmou que não sabia que o adolescente estava com as joias e que ele tinha solicitado carona para ir ao Centro.

Disse também que pretendia arrumar a motocicleta na oficina e, por isso, deu carona. Já sobre o dinheiro, o homem alegou que era para pagar o conserto do veículo, e a procedência era de seu trabalho como motoboy em uma lanchonete. Ele negou a posse da droga. O homem, de 24 anos, permaneceu preso e à disposição da Justiça.

O jovem estava acompanhado de sua mãe e falou que tinha recebido as joias de um usuário de drogas, não sabendo a procedência. Ele confirmou que estava de carona na motocicleta quando houve a abordagem.

Apesar de ter negado que estava vendendo drogas com o rapaz, ele admitiu que o dinheiro que estava em sua casa era oriundo do comércio de entorpecentes na linha férrea. O adolescente infrator foi liberado.

Ao todo, foram apreendidos R$ 1.995 em espécie, R$ 49,55 em moedas, seis anéis, uma corrente de ouro e dois celulares. A polícia vai apurar a procedência das joias.

0 Comentário

publicidade
publicidade
publicidade