menu 25-anos
facebook instagram
publicidade
publicidade
Compartilhe
Entretenimento

Quarentena musical: Artistas se mobilizam com shows na internet para conforta isolados

Já a produção do festival Global Citizen, em parceria com a OMS, lançou o projeto “Together, at Home”

Band FM

17h53 - 19/03/2020

Compartilhe whatsapp facebook linkedin

Com todos os cancelamentos causados na agenda cultural do país e do mundo diante da pandemia do covid-19, vários artistas se sensibilizaram e decidiram começar a fazer shows virtuais.

A proposta é colaborar para manter o espírito de positividade e solidariedade entre nós, assim como conter a ansiedade nesse hiato de isolamento que durará até sabe-se lá quando.

“Nesse momento é importante que fiquemos em casa para evitarmos a disseminação do coronavírus, mas não vamos deixar que isso nos afaste de vocês, da música e daquilo que a gente ama fazer: cantar”, declarou em comunicado a dupla sertaneja Matheus e Kauan, que apresentará semanalmente, todas as quartas, às 20h, pocket shows em seu perfil do Instagram.

Quem também abraçou a causa foi a cantora Lizzo. Vencedora do Grammy, ela publicou em suas redes sociais um vídeo de 30 minutos de meditação. “É um momento assustador para muitas pessoas e até eu estava sentindo um pouco de medo”, escreveu.

Enquanto isso, a Metropolitan Opera vem realizando, desde segunda-feira, apresentações ao vivo gratuitas em seu site oficial e aplicativo, a partir de 18h30, no horário de Brasília. Os vídeos ficam disponíveis por 20 horas depois na página metopera.org.

Já a produção do festival Global Citizen, em parceria com a OMS (Organização Mundial de Saúde), lançou o projeto “Together, at Home”, com lives musicais de diversos artistas. Os primeiros shows virtuais foram ao ar com John Legend e Chris Martin, vocalista do Coldplay. Os próximos serão de Shawn Mendes, Camila Cabello e Charlie Puth.

Por sua vez, Ben Gibbard, vocalista do Death Cab For Cutie, anunciou que fará um show diário pelo YouTube e Facebook, às 20h, com músicas que o público quiser ouvir.

0 Comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios.

 
publicidade
publicidade
publicidade