menu 25-anos
facebook instagram
publicidade
publicidade
Compartilhe
Notícias

Representantes dos salões de beleza pressionam Jonas para volta às atividades

Campinas tem 10 mil salões de beleza

Rose Guglielminetti, Band Mais

16h24 - 01/06/2020

Compartilhe whatsapp facebook linkedin

Representantes dos salões de beleza pressionam o prefeito de Campinas, Jonas Donizette (PSB) a autorizar a volta das atividades do setor. A pressão se dá porque o prefeito, quando do anúncio da reabertura do comércio e de igrejas, excluiu o segmento. Campinas tem cerca de 10 mil salões de beleza que reúne cerca de 30 mil profissionais.

Marcia Cia Santos, representante do setor, participou com outras representantes da área, de uma reunião, na última sexta-feira (01/06), com profissionais da Devisa (Departamento de Vigilância Sanitária), para entregar um protocolo de regras higiene, segurança e saúde para a reabertura dos salões de beleza. “Já tínhamos entrega esse documento há um mês, mas como o prefeito disse na coletiva que faltava esse protocolo, entregamos novamente. É um documento que foi feito pelo Sebrae Nacional, com representantes sindicais do setor de todo o Brasil, além de médicos e enfermeiros”, disse ela.

A representante do setor em Campinas classificou como injustiça o fato de a categoria ter sido excluído da reabertura do comércio, já que o setor tem uma importância econômica e social.

Acredito que Vigilância Sanitária vai repensar para voltarmos trabalhar. Seria uma injustiça ficarmos fora. O setor da beleza ficou chocado com a decisão do prefeito e esperamos que ele mude de ideia o mais rápido possível

Márcia Cia Santos, representante do setor

Ela chamou atenção ainda ao fato de que muitos salões têm trabalhado de forma irregular. E com a adoção do protocolo e autorização da prefeitura a cobrança para observar as regras fica mais fácil. “Todos os salões – pequeno, médio e grande – têm condições de se enquadrarem nas condições de higiene, segurança e saúde colocadas no protocolo para a reabertura do setor.”

1 Comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios.

 
  • Fátima Brandão disse:

    O setor de beleza já atua na grande maioria com protocolos de segurança. Com a parceria da vigilância sanitária + a prática descrita na cartilha preparada para nossa categoria, nossos atendimentos oferecem segurança tanto para os clientes como para os profissionais. Estamos prontos e confiantes.

publicidade
publicidade
publicidade
Mais notícias