menu 25-anos
facebook
publicidade
publicidade
Compartilhe
Notícias

Rodízio na capital paulista volta com duração de 24 horas e metade dos veículos nas ruas

A decisão do prefeito Bruno Covas vem após suspender os bloqueios, que receberam diversas críticas

Band Mais

13h41 - 07/05/2020

Compartilhe whatsapp facebook linkedin

Em mais uma tentativa de diminuir o fluxo de pessoas nas ruas de São Paulo, o prefeito da capital, Bruno Covas, anunciou a retomada do rodízio na cidade, mas de forma diferente da que vigorara anteriormente.

Agora, o período de rodízio será nas 24 horas do dia e não mais em apenas uma faixa horária. Outra mudança é quais carros poderão ou não circular. Veículos com placas com final par, rodam em dias pares; já os que tem placa impar, nos dias ímpares. Assim, a previsão é que metade da frota estará na rua. A medida também amplia o rodízio para os finais de semana.

Os táxis serão isentos do rodízio, podendo circular a qualquer dia e hora. O prefeito fez uma exceção para os profissionais de saúde e agregados. Estão permitidos a circular com seus veículos médicos, enfermeiros, técnicos e funcionários de hospitais e unidades de saúde. Outra exceção é para trabalhadores do setor de abastecimento, como energia, gás e água.

Os veículos de imprensa são isentos dessa medida, mas precisam de cadastramento. A circulação de motos está liberada para qualquer pessoa em qualquer dia.

0 Comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios.

publicidade
publicidade
publicidade