menu 25-anos
facebook instagram
publicidade
publicidade
Compartilhe
Blog da Rose

Saúde suspende cirurgias eletivas dos hospitais Mário Gatti e Ouro Verde

Unidades realizavam cerca de 650 procedimentos cirúrgicos por mês

Rose Guglielminetti, Blog da Rose

11h39 - 15/12/2020

Atualizado há 1 mês

Compartilhe whatsapp facebook linkedin

A Saúde de Campinas suspendeu nesta terça-feira (15/12) as cirurgias eletivas nos hospitais Mário Gatti e Ouro Verde devido ao atendimento de síndromes gripais, entre elas, a covid-19. Não há prazo para retomada das intervenções clínicas. Serão mantidas apenas as de urgência e oncológicas. Campinas tem hoje 46.281 casos confirmados e 1.416 mortes por coronavírus.

Ontem, a ocupação dos leitos de UTI exclusivos para pacientes com covid-19 estava em 86,49% na Rede Municipal de Saúde. Dos 74 leitos, apenas 10 estavam livres.

LEIA MAIS

Nas últimas 24 horas, Campinas confirmou mais 157 casos de coronavírus

Cidade está com 85,71% dos leitos de UTI ocupados

O Hospital Mário Gatti havia retomado as eletivas em novembro. De acordo com a assessoria de imprensa, foram priorizadas as cirurgias que estavam agendadas antes da pandemia. Até a última sexta-feira (11/12), a unidade de saúde estava realizando uma média de 650 procedimentos por mês, sendo que as eletivas representam 70% do total.

Neste unidade serão mantidas apenas as cirurgias de urgência e as oncológicas.

O ambulatório do Mário Gatti fará os atendimentos que já estavam agendados até sexta-feira (18/12). Após essa data, serão atendidos apenas os casos pós-cirúrgicos. Antes da pandemia, o laboratório realizava uma média de 5 mil consultas.

Ouro Verde

O Hospital Ouro Verde a média de cirurgias também é de 650, sendo que as eletivas correspndem a 75%. Nesta unidade, serão mantidas apenas as de urgência e de catarata.

O ambulatório do Ouro Verde vai continuar funcinando, mas com uma capacidade de atendimento reduzida em 70%, mantendo os atendimentos pós-cirurgicos. Antes da pandemia, esse setor realizava, em média, cerca de 4 mil atendimentos.

0 Comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios.

 
publicidade
publicidade
publicidade