menu 25-anos
facebook
publicidade
publicidade
Compartilhe
Notícias

Sindicato quer que 2 mil frentistas sejam isentos no rodízio de veículos

Medida passa a valer na segunda-feira e vai multar em R$ 130,16 o motorista que furar o rodízio

Rose Guglielminetti, Band Mais

15h16 - 14/05/2020

Compartilhe whatsapp facebook linkedin

O Sindicato dos Frentistas de Campinas protocolou nesta quinta-feira (14/05) pedido ao prefeito Jonas Donizette (PSB) para que ele coloque a atividade de frentista como serviço essencial. O objetivo é permitir que 2 mil frentistas possam circular livremente com seus veículos durante a adoção do rodízio de carros que começa na próxima segunda-feira (18/05). Todos os dias, das 8h às 20h, serão vetados a circulação de duas placas. A multa será de R$ 130,16 e quatro pontos na CNH.

A alegação do presidente da entidade, Francisco Soares de Souza, é evitar que os trabalhadores utilizem o sistema de transporte público. Há uma preocupação de possível aglomeração nos ônibus, o que pode elevar os riscos de contaminação por coronavírus.

A prefeitura vai publicar até amanhã (15/05) um decreto com as regras do rodízio de veículos que tem o objetivo de aumentar a taxa de isolamento social. Ontem (13/05), o índice era de 45% – baixo para evitar a disseminação do coronavírus.



0 Comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios.

publicidade
publicidade
publicidade