menu 25-anos
publicidade
publicidade
Compartilhe
Blog da Rose

Vereador desafia PSL e diz que continua na base de Jonas

Partido quer fazer oposição ao governo municipal

Rose Guglielminetti, Blog da Rose

09h01 - 10/10/2019

Compartilhe whatsapp facebook linkedin

Único vereador do PSL em Campinas, Edison Ribeiro desafiou a ordem na nova Executiva do seu partido de deixar a base de governo do prefeito Jonas Donizette (PSB) e disse para quem quisesse ouvir que ele continua mais fiel do que nunca ao pessebista.

No último dia 2, o PSL alegou que o partido tem projeto político para 2020 e que uma condenação por improbidade administrativa contra Jonas seriam os motivos para deixar a base de governo.

Acrescente-se a isso uma disputa pelo controle do PSL na cidade. Ribeiro, que era vice-presidente da sigla, e seu filho, André Ribeiro, presidente, foram destituídos da direção da legenda local. O controle da sigla passou a ser feito por assessores do vereador Tenente Santini – que não é do partido, mas aliado forte da família Bolsonaro. Dos seis integrantes da Executiva, cinco deles são assessores de Santini, sendo que o presidente é o advogado Ronny Soares Carnauskas.

Ribeiro conta com o apoio do PSL nacional – que está em guerra com Jair Bolsonaro. Para demonstrar proximidade ele mandou abraços ao senador Major Olímpio, deputado Junior Bozela. “Quando o PSL era nanico ninguém queria”, disse ele. O fato é que o partido só se tornou um campão de votos devido à família Bolsonaro.

Outro lado

Carnauskas, por meio de nota, disse que apesar de respeitar a decisão de Ribeiro, o partido “vai tomar providências legais”. Ressaltou ainda que a decisão do parlamentar é individual e que o PSL de Campinas não integra a base de governo de Jonas Donizette.

Desculpas

O parlamentar também pediu desculpas em relação ao conteúdo machista de uma frase dita durante a sessão do último dia 30 de setembro a um grupo de mulheres que se manifestava contra um projeto de lei. Para provocá-las ele disse: “A novela vai começar”. O fato gerou críticas.

publicidade
publicidade
publicidade