publicidade
publicidade
Compartilhe
Blog da Rose

Vigilância Sanitária autua farmácias por realizarem testes PCR para covid-19 irregularmente

Para realizar testes rápidos de antígeno, que utilizam secreções, farmácia precisa de sala com sistema de ventilação que evite contaminação do local e de trabalhadores

Zezé de Lima

17h23 - 20/01/2021

Atualizado há 1 mês

Compartilhe whatsapp facebook linkedin

Quatro farmácias de Campinas foram autuadas pela Vigilância Sanitária para se regularizarem quanto à realização de testes para os quais não têm autorização, como os de PCR, que exigem a coleta de secreção e envio a laboratório para detecção de covid-19. A ação iniciada na terça-feira vai durar toda a semana.

Os técnicos da Vigilância também verificaram se as salas estavam sendo utilizadas exclusivamente para a realização dos testes. Outros estabelecimentos também passarão por inspeção.  

A realização de testes PCR é privativa de postos de coletas de laboratórios clínicos e não pode ser feita em farmácias. Estes estabelecimentos podem fazer testes rápidos imunocromatográficos para os quais a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) deu autorização emergencial por conta da excepcionalidade da pandemia. Porém, para realizar testes rápidos de antígeno, que utilizam secreções e não sangue, a farmácia deve possuir sala com sistema de ventilação que evite a contaminação do local e de trabalhadores.

0 Comentário

publicidade
publicidade
Mais notícias